Monetização TikTok

Um grande passo na monetização do TikTok

O TikTok anunciou na última semana a criação de um fundo de US$ 200 milhões para ajudar criadores da plataforma. É a primeira ação oficial de monetização da rede.

O fundo foi pensado para apoiar criadores ambiciosos que “estão buscando oportunidades para promover a subsistência” no aplicativo, afirmou um porta-voz do TikTok. Ele marca o primeiro grande esforço da empresa para pagar aos criadores diretamente pelo seu conteúdo.

Antes disso, os criadores já podiam monetizar transmissões ao vivo, mas o novo programa pagará diretamente às pessoas pela criação de vídeos. Os criadores receberão pagamentos regulares no próximo ano e o fundo crescerá com o tempo.

A empresa não confirmou se há um limite de quantos criadores receberão financiamento. O TikTok também não disse com que frequência os pagamentos serão feitos ou quanto os criadores podem ganhar.

TikTok

Para participar do programa, os criadores devem ter pelo menos 18 anos, postar vídeos originais de forma consistente e criar conteúdo coerente com as diretrizes da comunidade. Também é necessária uma contagem específica de seguidores, mas o TikTok não especificou o número mínimo.

Criadores nos Estados Unidos já podem solicitar financiamento em agosto. A empresa está procurando expandir o fundo globalmente, mas não há informações sobre quando isso acontecerá.

“Através do Fundo Criador TikTok, nossos criadores serão capazes de perceber ganhos adicionais que refletem o tempo, cuidado e dedicação que eles colocam em conexão criativa com um público que é inspirado por suas ideias”, afirmou Vanessa Pappas, gerente geral do TikTok, em uma postagem oficial no blog da rede social.

Transmissões ao vivo a partir do Messenger Rooms

facebook-live-01

comentamos aqui no Tech Insights sobre a ferramenta de video-chamada em grupo do Facebook, o Rooms.

A rede tem aprimorado o produto ao poucos e a partir da agora vai permitir que os usuários transmitam as suas conversas e salas ao vivo.

No aplicativo Messenger Rooms, você poderá pressionar um botão e acessar o Facebook, compartilhando o conteúdo que você quiser. A ferramenta permite adicionar até 50 pessoas na mesma sala, sendo ótima para webinars ou eventos ao vivo.
Com o novo recurso de transmissão, você escolhe onde é compartilhado no Facebook e quem pode assistir. Você pode adicionar novos convidados no meio da transmissão, assim como removê-los da sua sala.
O lançamento inicial deve acontecer em alguns países mas, como sempre, a ideia é que em breve esteja disponível em todo o mundo.

Novas tecnologias durante a pandemia

FOX-SPORTS-FAS-VIRTuIS

A liga nacional de baseball retornou nos Estados Unidos no último sábado e a Fox Sports, emissora responsável pela exibição dos jogos, resolveu inovar de um jeito bem curioso.

Assim como no resto do mundo, os eventos esportivos são disputados com estádios vazios por conta da pandemia do coronavírus. Mas a Fox Sports encontrou uma solução para encher as arquibancadas e transmitir também a emoção do público durante os jogos.

Com tecnologia de mapeamento, a emissora criou torcedores virtuais, inspirados nos jogos de videogame, e encheu as cadeiras dos estádios com vários deles.

Os torcedores aparecem nas cenas vestindo o uniforme do seu time preferido e ainda podem reagir ao que acontecer no jogo.

Tendência? Estranho? Isso eu deixo pra você opinar e me contar o que achou da inovação!

 

Lucas AmarildoLucas Amarildo

Jornalista de formação, apaixonado por produção de vídeos. Atuou em redações, produziu documentários e atualmente coordena a área técnica da Dia Estúdio com o objetivo de pensar estrategicamente as tecnologias e inovações adotadas nos projetos da empresa. Está sempre em busca das novidades do universo audiovisual, atualizações das plataformas e é justamente sobre isso que vai falar neste espaço!

x