4 dicas de como escolher uma carreira para trabalhar com o que se ama!

A escolher carreira muitas vezes é um assunto que tira o sono da galera. Existe solução para você trabalhar com o que você ama!
como escolher carreira

A escolha de carreira muitas vezes é um assunto que tira o sono da galera que ainda está em período escolar e também daqueles que já saíram da escola e ainda não decidiram qual caminho trilhar. Com as mudanças tecnológicas, surgiram novas paixões que muitas vezes não parecem seguir um modelo “tradicional” de carreira. Mas acalme-se! Existe solução para você trabalhar com o que você ama!

A comunidade e a indústria do YouTube são uma prova viva de que é perfeitamente possível pegar uma coisa completamente aleatória que você ama e transformá-la em um emprego em tempo integral. Para isso, daremos algumas dicas para abrir sua mente e te ajudar a traçar metas!

1) Estude algo próximo à sua paixão.
Às vezes, se você tem um interesse muito específico, pode ser difícil traduzir isso em um curso de uma universidade. Usando de exemplo a carreira de youtuber: ainda não há um diploma na faculdade para quem sonha em fazer vídeos para a plataforma. Porém, existem cursos que exploram áreas que vão te ajudar a entender melhor como funciona o mundo do audiovisual, como cinema e jornalismo. Também existem alguns cursos mais específicos para a área de conteúdo digital, inclusive, cursos online! O ideal é sempre analisar as matérias que são oferecidas nas instituições e buscar se focar nas áreas que mais te chamam atenção.

:: Confira: Indústria de games eSport cresce 90% no YouTube ::

2) Saiba exatamente onde você quer investir!
No momento você pode não saber direito o que deseja, mas com tempo e estudo pode aparecer sua vocação e paixão. Com isso, é hora de analisar onde você tem mais habilidade e focar no mercado em que isso pode ser inserido. Ainda usando youtuber como exemplo: você quer fazer vídeos de maquiagem mas não sabe como começar? É legal após ter estudado, comprar um material bacana e analisar qual é o público que você deseja alcançar. É o de Mulheres? Homens? Drag Queens? Quanto mais específico for seu público, mais fácil fica encontrar um formato e linguagem para se conectar com eles.

3) Encontre suporte nas comunidades!
A comunidade do YouTube começou como um grupo de jovens conversando entre si através de vídeos. Com o apoio uns dos outros e uma paixão compartilhada, criou-se então um império multimídia que revelou diretores, escritores, produtores, editores e atores. Se você encontrar na internet um lugar que promove seus interesses particulares, haverá uma troca de experiência que fará seu conteúdo melhorar. Outro ponto positivo de interagir com grupos é a quantidade de inspiração que você pode encontrar!

4) Mantenha-se atualizado!
Muitas pessoas acham que depois de “se encontrar” é só manter a mesma fórmula do bolo. Porém, cada vez mais as pessoas estão sedentas por novidades, o que faz com que seja cobrado mais agilidade dos profissionais. Ainda usando de exemplo um youtuber de maquiagem: caso seja lançado uma nova técnica de passar blush, o público vai ficar curioso para isso, e se você negar-se a pesquisar e testar a técnica, outros youtubers vão fazer. Isso vale também para estudos sobre a plataforma. O YouTube vem mudando constantemente suas diretrizes e se os produtores de conteúdo não ficarem atentos e não pesquisarem, podem até perder seus canais!

:: Leia Também: YouTube muda diretriz e corta publicidade em diversos vídeos! Confira as novas regras! ::

Apesar de usarmos youtuber como exemplo, em todas as áreas as dicas acima podem ser aplicadas. E nunca desista dos seus sonhos e paixões! Sabendo investir, estudando e se dedicando, é possível trabalhar com o que se ama!