O Youtube, em parceria com a Provokers e a Box 1824, fez alguns estudos recentes sobre o consumo de vídeos online no país. Na noite de ontem, 19/9, o presidente do Google Brasil – Fábio Coelho – falou a respeito dos resultados das pesquisas no Youtube Brandcast 2018.

Um dos dados que mais chamou atenção foi a alta de 135% no consumo de vídeos nos últimos quatro anos, chegando a 19 horas semanais. Segundo os estudos, 80% dos entrevistados recorrem à internet quando não encontram o conteúdo que querem na televisão. Entretenimento, conexão, conhecimento e identidade estão entres os principais motivadores das pessoas que estão “migrando” da TV para à internet.

O presidente do Google Brasil também posicionou o Youtube como uma plataforma complementar aos meios tradicionais de assistir vídeos, o que explica o alcance de mais de 800 canais que ultrapassam a base de um milhão de inscritos no país.  De acordo com a pesquisa, 43% dos entrevistados não têm assinatura de canais pagos de televisão e 74% disseram que não têm interesse em ter. O número de pessoas que prefere vídeos no Youtube também é cinco vezes maior do que os que escolhem a TV aberta.

Quando o assunto é vídeo online, o Youtube é a plataforma mais usada e a preferida de 44% dos entrevistados, seguido pela Netflix e o Whatsapp.

youtube

 

Leia também: Canais do YouTube poderão optar por anúncios não puláveis