Já ouvimos muitas histórias de pessoas que deixaram de criar um canal no YouTube por acreditarem que para produzir vídeos é preciso ter a estrutura perfeita e diversos equipamentos. Não vamos mentir e dizer que uma boa câmera não faz a diferença, é claro que faz, mas não é porque você não tem que deve deixar de criar um canal.

Para quem está no início e não quer (ou não pode) investir em equipamentos para criar um canal, o próprio celular pode ser uma boa alternativa. Alguns modelos de smartphones já filmam em 4K e possuem uma boa qualidade de som. Então, se esse é o seu caso, já dá para começar o planejamento do canal!

Quais equipamentos escolher?

Agora, se você está disposto a investir um pouco, as dicas são outras. Uma boa câmera vai te ajudar a tornar o conteúdo mais profissional e, se seus vídeos são feitos em um cenário – que pode ser o seu quarto ou a sala da sua casa – uma câmera DSLR é uma ótima opção. E, sobre a lente, a 18mm-135mm é básica e serve para quase todas as situações.

Para vídeos externos, como gravações de eventos ou até vídeos feitos na rua, uma câmera mais robusta garante agilidade. Apesar de não possuir uma qualidade de imagem tão boa quanto a de uma DSLR elas também são uma boa opção.

Seja com celular, câmera fotográfica ou filmadora, um tripé é essencial para garantir a estabilidade das imagens. Mas lembre-se de verificar se o modelo do tripé é compatível com seu equipamento de filmagem.

Para gravar o áudio, use um gravador externo, que pode ser até o seu celular. Isso pode dificultar um pouco a edição, mas garantimos que vale a pena. Afinal, você quer que as pessoas te escutem bem, certo? E lembre de utilizar uma claquete ou até uma palma ao iniciar a gravação, isso ajuda o editor.

Agora que você já leu todas as dicas, que tal começar a testar os equipamentos?

Esse é o primeiro texto de uma série de conteúdos dedicados a te ajudar a criar um canal próprio. Quais outros assuntos você quer ver nessa série? Nos conte no Twitter marcando @CriadorediD.