As campanhas com influenciadores digitais são tendência e não é a toa, afinal, segundo pesquisa realizada pelo Instituto Qualibest, os influenciadores são a segunda fonte para tomada de decisão. E não para por aí. A pesquisa ROI & Influência realizada pela aceleradora Youpix mostrou que 68% das marcas consideram o Marketing de Influência importante ou muito importante. Entenda como escolher o influenciador ideal para um bom resultado em suas campanhas.

Não adianta começar a pensar em influenciadores sem definir a sua campanha. Para cada objetivo existe um tipo de criador de conteúdo diferente. Então é importante que, antes de fazer qualquer contato, você tenha claro qual é o seu objetivo e como o influenciador pode te ajudar a chegar nele.

Dicas para escolher o influenciador

Tudo definido? Hora de começar a pensar nos influenciadores. Você pode contratar uma agência para te ajudar com esse trabalho ou você mesmo fazer. Existem diversos sites onde é possível encontrar perfis de influenciadores. No menu do Criadores iD, por exemplo, temos uma aba onde você encontra diversos canais e criadores separados por nichos.

É importante que você entenda quais são os assuntos abordados historicamente pelo influenciador e se eles têm relação com a campanha e com a sua marca como um todo. Afinal, os seus resultados dependem disso e, quanto melhor você selecionar, melhores os resultados serão.

Entenda também o posicionamento do criador de conteúdo e se é semelhante ao seu posicionamento. Lembre-se que você está fazendo uma associação de imagem e o que o influenciador fala pode afetar a sua marca positiva ou negativamente.

Antes de contratar o influenciador, entenda se o público dele é o público que você quer atingir. Informações de faixa etária, gênero e localização costumam estar no mídia kit e são essenciais para um bom desempenho. Lembre-se: ninguém atinge todo mundo, então não espere que apenas um influenciador vai conseguir atingir a todos. As campanhas que trabalham com um número maior de influenciadores costuma ter melhores resultados.

E, então, qual a quantidade certa de influenciadores? Para essa pergunta a gente não tem uma resposta definitiva, já que depende de diversos fatores como objetivo, perfil e tamanho da marca e budget.

Dica: Nos episódios três, quatro e cinco de O Podcast, Dani Noce e Paulo Cuenca receberam a Jana Rosa para conversar sobre influenciadores, sorteios e marcas.

Qual campanha com influenciadores digitais você viu e achou bem executada? Manda pra gente no twitter @CriadoresiD.