O YouTube anunciou ontem (08/05) a turma de embaixadores do programa Creators for Change 2018, iniciativa que destaca criadores que inspiram e causam impacto positivo através da plataforma.

Dois brasileiros foram selecionados para turma: Nátaly Neri, do canal Afros e Afins, e Murilo Araújo, do canal Muro Pequeno.

:: Mansões de youtubers: Dividir casa virou pano de fundo para produção de conteúdo ::

A turma de embaixadores de 2018 é composta por 50 criadores de conteúdo vindos de 16 países do mundo. Juntos, eles somam um público mais de 44 milhões de fãs.

Essa galera toda foi selecionada para o programa Creators for Change porque criam conteúdos inspiradores para o YouTube. Além disso, utilizam seus canais para promover conversas sobre questões complicadas e, assim, causar mudanças no mundo.

Os criadores receberão apoio do YouTube através de financiamento de projetos, oportunidades de mentoria e assistência para produção nos YouTube Spaces.

O YouTube anunciou que nos próximos meses os embaixadores irão iniciar projetos que abordam discurso de ódio, xenofobia e/ou extremismo de diversas formas criativas.

Conheça um pouco mais sobre Murilo Araújo e Nátaly Neri, os brasileiros embaixadores do Creators for Change 2018, e o impacto que eles causam através de seus conteúdos.

 

Murilo Araújo, do canal Muro Pequeno

Na descrição de seu canal, o youtuber Murilo Araújo se define como uma bicha negra cristã e militante” e o conteúdo do Muro Pequeno segue esta mesma linha.

Os vídeos têm como base o universo LGBT e diversas questões relacionadas à comunidade. Além dessa temática, Murilo Araújo fala sobre questões pessoais, como sua religiosidade e militância.

 

Nátaly Neri, do canal Afros e Afins

Nátaly Neri é estudante de Ciências Sociais, negra, feminista e youtuber. Criou o canal Afros e Afins em 2015 para incentivar a autonomia do público e pautar questões importantes.

Apaixonada por brechós, moda e projetos DIY (faça você mesmo), Nátaly Neri aborda em seus vídeos a moda consciente, incentivando a reflexão para um consumo mais inteligente.

Também produz vídeos sobre empoderamento e estética negra, movimento feminista, vida universitária e autoestima.

A simpatia e simplicidade de Murilo Araújo e de Nátaly Neri ao comentar e promover a reflexão sobre questões tão sérias fizeram seus canais ganharem visibilidade e relevância no Brasil e, a partir de agora, poderão impactar ainda mais gente pelo mundo.